30/05/2012

Atlético x Ipatinga será no Gigante do Itiberê

Foto: Walter Alves / Agência de Notícias Gazeta do Povo 
A partida entre Atlético Paranaense x Ipatinga válida pelo Campeonato Brasileiro da Série B, que estava marcada para acontecer no dia 05 de junho - no Germano Krüger, em Ponta Grossa, foi transferida o dia 10 de julho para o Gigante do Itiberê em Paranaguá, às 21h.

A mudança foi publicada na página da CBF na tarde desta quarta (30).

Secretário de Estado-PR visita Operário Ferroviário


Fonte: Operario.com

O Secretário Estadual de Segurança Pública do Paraná, Reinaldo de Almeida César, esteve em Ponta Grossa nesta quarta-feira (30) para inaugurar o Departamento Estadual de Narcóticos (Denarc).

Na oportunidade de sua passagem pela cidade, esteve presente em companhia de sua mãe,  vereadora Alina de Almeida (PMDB), na sede do Operário Ferroviário onde receberam a Comenda do Centenário em homenagem ao seu pai, Djalma de Almeida César (ex. presidente do clube/ 1984).

O secretário também vestiu a Camisa comemorativa aos 100 anos de fundação do clube.

Confira as fotos das lentes do repórter fotográfico Luciano Mendes.


Saiba onde comprar o livro “Imortal Operário Ferroviário"





O livro “Imortal Operário Ferroviário”, de autoria de Ângelo Luiz De Col Defino, doados ao OFEC encontram-se à venda nos seguintes lugares:

- Secretaria do Operário Ferroviário, em Vila Oficinas: de terça à sexta-feira (somente na parte da tarde) e aos sábados (somente pela manhã).

- Livraria Curitiba, no Shopping Palladium: uma nova pareceria firmada pelo OFEC;

- Na Mostra Histórica Itinerante do Operário Ferroviário: seguindo seu roteiro já divulgado:

• No Hotel Planalto: de 30 de maio à 05 de junho – vendas na recepção do hotel;
• No Shopping Antártica: de 06 de junho à 12 de junho;
• No salão de Eventos da Churrascaria Lugano: de 13 de junho à 19 de junho.

Os exemplares estão sendo vendidos a R$ 50,00 reais. 


29/05/2012

Torcedores serão identificados nos estádios de futebol do Paraná


Foi aprovado em primeira discussão, na sessão plenária de hoje, 29 de maio, na Assembléia Legislativa do Paraná, o projeto de lei número 817/11, de autoria do deputado estadual Bernardo Ribas Carli, que obriga a identificação dos torcedores nos estádios de futebol no Paraná.

Segundo Bernardo, a obrigatoriedade dará mais segurança aos torcedores nos estádios de futebol. "Identificar as pessoas que frequentam os estádios no Estado do Paraná permite fornecer dados e meios de controle aos órgãos de administração pública na garantia da segurança e de um evento esportivo bem sucedido, possibilitando o reconhecimento de infratores, sua respectiva punição e exclusão por determinado período de tempo dos eventos desta magnitude, seguindo, é claro, certas medidas já implementadas por motivação do Ministério Público em todo o país”, justificou Carli, destacando o aumento do número de ocorrências criminais e situações de violência registradas nestas ocasiões, nos últimos anos.

O PROJETO
De acordo com o projeto, os clubes, entidades mantenedoras e gestoras dos estádios de futebol e estabelecimentos que realizam a venda de ingressos para partidas oficiais de futebol, disputadas em local com capacidade para mais de 15 mil espectadores, localizados no Estado do Paraná deverão realizar a identificação dos respectivos compradores de ingressos.

Os responsáveis pela realização do evento deverão manter a disposição das autoridades, pelo prazo mínimo de 12 meses contados a partir da competição, banco de dados com a identificação dos compradores e frequentadores das partidas de futebol. Os frequentadores dos estádios deverão ser cadastrados no ato da compra dos ingressos, mediante apresentação de documento oficial de identidade e comprovação de seu endereço.

A regulamentação prevê, ainda, que os estádios de futebol tenham meio de monitoramento por imagem das catracas e instalação de equipamentos de gravação fotográfica do rosto, a fim de identificar os torcedores e relacioná-los com o ingresso adquirido.

CCJ da Assembleia aprova bebida nos estádios durante a Copa de 2014


Reunião na tarde desta terça-feira (29) manteve, no entanto, proibida a comercialização fora do período do Mundial. Projeto deve ir ao Plenário dentro de uma ou duas semanas.

Em reunião no começo da tarde desta terça-feira (29), a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa do Paraná aprovou, por unanimidade, o projeto do deputado Leonaldo Paranhos (PSC), com o parecer do relator Fernando Scanavacca (PDT), que mantém a proibição do comércio de bebidas alcoólicas nos estádios de futebol do estado. A venda durante as partidas da Copa de 2014, no entanto, está liberada.
Anteriormente, o projeto previa a proibição de bebidas alcoólicas em jogos de futebol profissional organizados pela Federação Parananese, e também nos jogos da Copa de 2014. Foi retirado da proposta a parte destacada que tratava das partidas do Mundial.
Ou seja, em jogos do Campeonato Paranaense está proibida a venda de bebidas. Em competições daConfederação Brasileira de Futebol (CBF) vale a mesma regra, já que, em âmbito nacional, deve-se seguir o Estatuto do Torcedor que não permite a comercialização.
Agora, a proposta vai passar por outros setores da Casa Legislativa. O tema ainda será debatido nas comissões de Saúde, Indústria e Comércio, Esportes e Defesa do Consumidor. Com isso, a votação em Plenário deve ocorrer dentro de uma ou duas semanas.
A deliberação acabou no âmbito estadual porque os deputados e senadores federais preferiram, quando houve a discussão no Congresso Nacional, deixar que cada estado que receberá partidas do Mundial definisse o assunto por conta própria.

Só em jogos de futebol

Uma emenda sugerida pelo deputado Nereu Moura (PMDB), que restringe a proibição apenas aos jogos de futebol, foi aceita pelo relator e também aprovada. Ou seja, bebidas podem ser vendidas em ginásios, arenas e praças esportivas que recebam outras modalidades. O deputado Alexandre Curi (PMDB) chegou a brincar na sessão: “pelada não dá para restringir porque os jogos do Atlético e do Coritiba já estão uma pelada”.
Fonte: Gazeta do Povo.

Preparação para a Copa do Mundo 2014 domina os debates do Footecon Curitiba

Curitiba foi a primeira entre as 12 Cidades-Sede da Copa do Mundo de 2014 a receber uma etapa do maior fórum sobre futebol das Américas: o FOOTECON– Fórum Internacional de Futebol, que reuniu cerca de 550 pessoas nesta segunda-feira (28), no Pátio Batel.

O técnico tetracampeão do mundo, coordenador do FOOTECON, Carlos Alberto Parreira, falou da escolha da capital paranaense como a primeira entre as cidades-sedes a receber o evento. “Curitiba é uma cidade estratégica e tem destaque na Região Sul. Por isso, a decisão de começar a versão compactada do evento por aqui”, disse ele.

A tônica do evento foi a preparação para o Copa do Mundo 2014, em todos os âmbitos. Ponto de quase unanimidade entre os palestrantes: o Brasil precisa amadurecer tanto dentro como fora de campo. “O futebol é tanto uma escola de formação de craques como um pólo de negócios. Isso precisa ser equalizado, de modo que possamos ter uma boa Copa do Mundo e aproveitar o legado deixado por um evento deste porte”, afirma Parreira.

O evento foi aberto pelo secretário municipal da Copa 2014, Luiz de Carvalho, que fez um balanço das obras que estão sendo realizadas na cidade. “As obras para a Copa avançam em Curitiba. Discutir aqui os rumos para o mundial de futebol, com nomes tão ilustres do mundo esportivo, é um privilégio para a nossa cidade. Não debatemos apenas as obras, mas também uma nova fórmula de fazer gestão profissional no futebol.”

Entre as obras que fazem parte do pacote local de investimentos para a Copa do Mundo 2014, algumas já foram entregues, como as trincheiras da Rua Chile e dos bairros Bacacheri/Bairro Alto. Outras estão em andamento, como a Linha Verde Norte e o Anel Viário, além das programadas como a trincheira da Rua Guabirotuba, que formará o binário com a Rua Chile por baixo do corredor Aeroporto-Rodoferroviária – região próxima à Arena da Baixada, estádio que receberá os quatro jogos da Copa do Mundo.

Além de Parreira, outros nomes de referência no futebol, como o dirigente José Carlos Brunoro, o técnico René Simões, o campeão da Copa de 70 e cronista esportivo Paulo Cezar Caju e o palestrante e consultor motivacional Evandro Mota, discutiram a realização do torneio mundial no Brasil, a preparação física dos atletas e o trabalho nas categorias de base nas equipes.

O ex-presidente do Sport Club Internacional, Fernando Carvalho, deu destaque para as perspectivas do futebol brasileiro com vistas à Copa e ao futuro. 

Em seguida, José Carlos Brunoro apresentou um levantamento sobre marketing esportivo no Brasil nos últimos anos. Evandro Mota comandou a última palestra da manhã: “Mentalidade Vencedora: como motivar jogadores e equipes para as competições de alto nível e como mantê-la ao longo da temporada”. O ex-consultor do Internacional deu várias dicas para os participantes e apresentou alguns vídeos motivacionais.

Foram realizadas também mesas-redondas com a participação de René Simões, ex-técnico da seleção brasileira sub-17, de Marquinhos Santos, técnico da seleção brasileira sub-15, e do gerente de Futebol do Coritiba Footbal Clube, André Mazzuco, que debateram o processo de formação do atleta brasileiro.

O planejamento do condicionamento físico de equipes profissionais, o calendário intenso e os processos recuperativos dos atletas foram os temas trabalhados pelo preparador físico da seleção brasileira sub-20, Alexandre Lopes, e o professor doutor do curso de Educação Física da UFPR, Raul Osiecki.

Para Alexandre Lopes, manter a alta performance do jogador em um calendário cada vez mais intenso é o desafio dos profissionais de preparação física. "Os atletas têm corrido cada vez mais e trabalhado com muito mais intensidade do que anos atrás. Eles estão cada vez mais fortes e mais velozes. Os clubes e comissões técnicas precisam ver que atletas diferentes têm necessidades diferentes”, afirmou.

O técnico Carlos Alberto Parreira fez uma análise do Barcelona, atual campeão mundial de futebol. O tetracampeão fez questão de frisar que o time catalão é a base da seleção espanhola em 2014. “Só o Messi não faz parte, por razões óbvias. Temos que nos preocupar, sim, com essa seleção que virá para o Brasil com o objetivo de ser bicampeã”, pontuou.

A complexidade do futebol em tempos globalizados foi o tema do debate final do FOOTECON Curitiba, em mesa composta pelo técnico do Paraná Clube, Ricardinho, pelo campeão da Copa de 70 e cronista esportivo, Paulo Cezar Caju, pelo superintendente de futebol do Coritiba, Felipe Ximenes, e pelo diretor de futebol do Clube Atlético Paranaense, Sandro Orlandelli.

O FOOTECON Curitiba é uma realização de FSV (Football Sports Venture), Seven Entretenimento e Fagga | GL exhibitions.
.....................................

SOBRE O FOOTECON O Fórum Internacional de Futebol é uma realização da Fagga | GL exhibitions e da FSV – Football Sports Ventures. O encontro acontece desde 2004 e reúne anualmente os principais profissionais, dirigentes esportivos, autoridades governamentais, mídia especializada, investidores e patrocinadores para palestras e debates dedicados ao esporte e sua gestão.

Fonte: Das Estratégias de Comunicação

'Série B' Atlético-PR volta a mandar jogo em Ponta Grossa


A partida entre Atlético e Ipatinga, no dia 5 de junho, será realizada no estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa. A informação foi confirmada oficialmente pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) por volta das 22h30 desta segunda-feira (28).
Este será o segundo jogo com mando do Furacão no Campeonato Brasileiro da Série B. A primeira partida como mandante, contra o Barueri, na próxima sexta-feira (1º), ocorrerá na Vila Capanema, em Curitiba. A decisão pelo outro jogo no interior do estado foi motivada pela negativa de Coritiba e Paraná em cederem seus estádios ao rival.
“A CBF solicitou à FPF [Federação Paranaense de Futebol] que obtivesse uma posição do Atlético/PR quanto à definição do seu mando de campo, excluídos os estádios citados [Couto Pereira e Vila Capanema]. Não havendo obtido essa posição até o esgotamento do prazo regimental [segunda-feira] para o jogo Atlético x Ipatinga, a FPF indicou o estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa/PR”, diz o ofício assinado pelo diretor de competições da CBF, Virgílio Elísio.
Histórico
Sem poder utilizar a Arena da Baixada, que passa por reformas para receber jogos da Copa de 2014, o Atlético foi obrigado a procurar outros estádios para atuar neste ano. O Germano Krüger, aliás, foi a primeira “casa rubro-negra” em 2012 e recebeu a estreia do time no Paranaense. Depois disso, a equipe atuou três vezes no Ecoestádio Janguito Malucelli antes de passar a jogar na Vila Capanema, local que abrigou partidas da equipe no Estadual e na Copa do Brasil.
Para a Série B, a expectativa do Furacão era ter o Couto Pereira à disposição. O Coritiba, no entanto, decidiu não emprestar o estádio, o que motivou o presidente atleticano Mario Celso Petraglia a chamar o mandatário coxa-branca, Vilson Ribeiro de Andrade, de traidor.
A segunda alternativa era a Vila Capanema. A CBF chegou confirmar três jogos do Atlético no estádio paranista – contra Barueri, Ipatinga e Goiás, mas teve de voltar atrás. Isso porque o Paraná alegou que a praça esportiva não tem condições de receber o Rubro-Negro, pois o gramado do local já está muito desgastado.
Além dos jogos do próprio Tricolor na Segundona Nacional, o Durival Britto e Silva também recebe os duelos do Paraná na Série Prata do Estadual. Ano passado, 30 partidas foram disputadas na Vila. Caso também fosse palco das disputas na qual o Atlético é o mandante, até o final seriam bateriam entre 53 e 57 partidas no estádio.
A opção oferecida ao Atlético em Curitiba é a Vila Olímpica, no bairro Boqueirão. No entanto, o local precisa ser adequado. De acordo com o do responsável pela comissão de vistoria da FPF,Reginaldo Cordeiro, o estádio – com capacidade para 14 mil pessoas - precisará de pelo menos um mês para estar apto a receber jogos oficiais.
Fonte: Gazeta do Povo

27/05/2012

Ouça os gols de Coritiba e Botafogo na Rádio CBN PG

Coxa sai na frente, mas não mantém o resultado (foto: Coritiba.com.br)
A equipe esportiva da Rádio CBN Ponta Grossa esteve no Couto Pereira em Curitiba para transmitir a 2ª rodada do Brasileirão 2012. Ouça os gols na voz de Joel Brasília; reportagens de Felipe Gustavo e Sebastião Neto; plantão esportivo: Isak Ortiz e sonoplastia de Julio César. Edição - Ana de Oliveira.  Ouça os gols. Coritiba 2x3 Botafogo 


Lincoln (Coritiba)
CORITIBA 1 X 0 BOTAFOGO by CBNEsportes


Lucas (Botafogo), aos 19 minutos do primeiro tempo (indisponível) 


Vitor Junior (Botafogo)
CORITIBA 1 X 2 BOTAFOGO by CBNEsportes


Lucas Mendes (Coritiba)
CORITIBA 2 X 2 BOTAFOGO by CBNEsportes


Lucas (Botafogo)
CORITIBA 2 X 3 BOTAFOGO by CBNEsportes


Ficha técnica.

Coritiba 2x3 Botafogo 

Local: Estádio Couto Pereira
Data: 27/05/2012
Horário: 16h

Árbitro: Wilson Luiz Seneme/SP (FIFA)
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse/SP (FIFA) e João B. Nobre Chaves/ SP (CBF) 4º árbitro: Fábio Filipus/ PR (CBF)

Coritiba: Vanderlei, Jonas (Ayrton), Demerson, Emerson,Lucas Mendes, Sergio Manoel (Anderson Aquino), Lincoln (Vinícius), Everton Ribeiro, Roberto e Everton Costa.
Técnico: Marcelo Oliveira.
Banco: Rafael Martins, Ayrton, Bonfim, Willian, Renan Oliveira, Vinícius e Anderson Aquino.

Botafogo: Renan, Lucas, Brinner, Doria, Jadson (Lucas Zen), Márcio Azevedo, Maicosuel (Elkeson), Renato, Fellype Gabriel (Cidinho), Vitor Junior e Herrera.
Técnico: Oswaldo de Oliveira
Banco: Milton, Vinícius, Lucas Zen, Gabriel, Cidinho, Vitinho e Elkeson.

Blog 'FutsalDaqui.com' se despede dos leitores

O futsal dos Campos Gerias perde um dos meios de comunicação mais importantes em coberturas esportivas da modalidade. O blog FutsalDaqui.com comandado por Sebastião Neto e Felipe Gustavo se despediu oficialmente neste sábado (26). Leia a nota na íntegra. 

Texto: Sebastião Neto
Edição: Felipe Gustavo


A frase da célebre série infantil Teletubies ilustra o momento do FutsalDaqui.com. Passou o tempo do blog que veste a camisa do futsal dos Campos Gerais, ficou inviável acompanhar os passos de nossas equipes no Campeonato Parananense, muito menos o que acontece além disso no futsal da nossa região. Oficialmente encerramos a nossa cobertura no dia de hoje, visto que até mesmo durante esta semana não houve atualização na nossa página.

Alguns comemoram, outros lamentam, outros não estão nem aí. Acontece. O que não pode ser negado é que o nosso blog cumpriu durante pouco mais de um ano a função de ser a principal voz do salonismo de Ponta Grossa e das cidade vizinhas para o estado do Paraná. Se muitos na imprensa de PG rotularam o blog como o site 'que torcia contra o time da cidade', as mídias de todo o estado davam cada vez espaço e credibilidade a página, o que nos motivava cada dia mais a seguir trabalhando e mostrando nosso trabalho, ou seja, buscando nosso espaço no futsal do estado.
A despedida do FD.com com conteúdo próprio: Carambeí 3x3 Cândido Futsal pela Bronze
Foto: Thiago Terada/FD
Ficou inviável porque? Você me pergunta. Como todo mundo sabe, o FutsalDaqui.com é um trabalho voluntário de todos os jornalistas e estudantes que trabalham aqui, ninguém ganha nada com isso a não ser o prazer de acompanhar a modalidade e auxiliar os nossos times da melhor maneira possível. E agora, os compromissos profissionais de muitos de nós inviabilizam a continuidade deste trabalho do jeito que tem que ser: com conteúdo próprio, apuração decente e um acompanhamento periódico do que acontece na região. Não adianta ter um blog ou uma página simplesmente para dizer que tem.

Mas não é só isso. É também porque fica extramente complicado competir contra dinheiro, e principalmente quando ele vem aos montes. O FutsalDaqui.com competiu até onde deu, mostrou sua cara até onde pode. Mas os investimentos pesados em outros veículos não nos deixou manter o mesmo fôlego de trabalho, a mesma paixão, sabendo que aquele que está ao seu lado recebe (e muito bem) para fazer aquele trabalho. Fomos preteridos no que diz respeito a investimento dos clubes poderosos da região durante estes 14 meses. Foi o recado mais claro para dizer que não era necessária a nossa presença.

Por outro lado, tem os abenegados. Os que juntam o dinheiro e todas as forças possíveis para colocar um time de futsal em quadra, e por esses fico muito sentido pelo fim do blog. Estes souberam valorizar cada linha deste espaço, e não deixavam de nos cumprimentar pela grande cobertura feita na visão deles, por 'colocá-los na mídia sem pedir nada em troca'. Mas eles davam a troca sim, a confiança e o simples fato de lembrarem do nosso trabalho.
Primeiro jogo oficial do Keima Futsal no Paranaense. FutsalDaqui.com cumpriu a missão de falar dos Campos Gerais
Foto: Thiago Terada/FD 
Pois bem, acabou. O blog ficará sem atualizações, e quem sabe um dia nos dê 'na telha' de voltar a postar. Seguimos com as notícias do futsal na CBN Ponta Grossa, de segunda a sexta, no programa CBN Esportes, e também com as transmissões de algumas partidas do Keima Futsal na Chave Ouro do Paranaense pelo twitter @blogfutsaldaqui, pois este espaço será o contraponto, a opção para quem quiser uma cobertura diferenciada e jornalísticas das partidas do nosso representante.

Para fechar, clique aqui e leia um texto que representa todas as mensagens positivas dos clubes da região na última temporada, vindo justamente daquele que protagonizou praticamente uma cruzada contra esta página no início da temporada. Inexplicável, e ao mesmo tempo gratificante.

Muito obrigado as mais de 100 mil visitas dadas ao blog, e a condição de um dos 100 sites mais acessados de Ponta Grossa no último ano. E a paixão pelo futsal dos Campos Gerais continua, SEMPRE!

Coritiba e Botafogo se enfrentam embalados por vitórias de quatro


Na última vez em que entraram em campo nesta temporada, Coritiba e Botafogo presentearam suas torcidas com quatro gols e vitórias marcantes. Neste domingo, às 16h (de Brasília), no Couto Pereira, será a vez de os dois times se enfrentarem, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro, para ver quem conseguirá manter o embalo neste momento da temporada.
O Coritiba conseguiu a classificação para as semifinais da Copa do Brasil ao vencer por 4 a 1 o Vitória, no Couto Pereira. Coincidententemente, este confronto poderia ter sido com o Botafogo, eliminado pelo clube baiano. No entanto, no Brasileiro, o time estreou com uma derrota por 2 a 0 para o Internacional.
Se caiu na decisão do Campeonato Carioca e foi eliminado da Copa do Brasil, o Botafogo reagiu em sua estreia no Brasileiro ao vencer, de virada, por 4 a 2 o São Paulo, no Engenhão. Para este jogo com o Coritiba, que não poupará jogadores, já que a Copa do Brasil só voltará a ser disputada no dia 13 de junho, o técnico Oswaldo de Oliveira terá seis desfalques e promoverá a estreia do zagueiro Dória, de 17 anos.
A Rádio CBN Ponta Grossa transmite a partida em AM 1300 e pelo site www.cbnpg.com.br  a partir das 14h. 
Fonte: Globo Esporte

25/05/2012

Torcedores do Coxa e Atlético são os mais rentáveis do país


O torcedor da dupla Atletiba é o que mais traz dinheiro para seus clubes. Pelo menos é o que atesta um levantamento da Pluri Consultoria. Segundo o estudo, o Coritiba é o time que mais arrecada junto ao seu torcedor. Em média, cada coxa-branca se dispõe a desembolsar por ano R$ 62,75 pela sua paixão clubística. É quase o dobro do segundo colocado, o Atlético, onde cada rubro-negro gasta R$ 36,60 por ano com o Furacão, seguido do santista, que embalado pelo fenômeno Neymar gasta R$ 35,90.

O levantamento levou em consideração as receitas de 14 equipes que recentemente divulgaram seus balanços de 2011. Ele se concentra no que os clubes arrecadaram através de suas torcidas, seja na forma de renda dos jogos, associados, venda de produtos oficiais ou pelo sistema pay-per-view (transmissão de partidas em canal fechado). Um exemplo é o Santos, que teve um forte crescimento por conta de Neymar. De 2010 para 2011, a arrecadação pulou de R$116,5 milhões para R$ 189 milhões.

O estudo revela que mais do que ter volume de torcedores, o importante é que a torcida seja fiel e compareça no guichê do clube. Exemplos disso são Flamengo e Corinthians, donos das duas maiores torcidas do Brasil, mas que no levantamento demonstram ter as piores relações receita-torcedor. No time da Gávea, cada rubro-negro gera apenas R$ 6,31 por ano ao clube, enquanto no Timão esse valor é de R$ 11,57, mesmo com um aumento de R$ 212,6 milhões para R$ 290 milhões em sua receita de 2010 para 2011, o que o torna o clube o de maior arrecadação no País.

Só que se Flamengo e Corinthians arrecadassem, por torcedor, o que o Coritiba arrecada, certamente estariam com receitas equivalentes aos mais ricos clubes europeus. Isso porque, o rubro-negro carioca tem hoje quase 30 milhões de simpatizantes, enquanto o Timão conta com 25 milhões. Em termos de comparação, multiplicando esse número de torcedores pela receita que os coxas-brancas geram, Flamengo e Corinthians teriam faturamento superior a R$ 1,5 bilhão por ano.
Despesas
Por outro lado, o Coritiba é o terceiro clube com a maior dívida por torcedor (R$ 104,78) ficando atrás apenas de Botafogo (R$ 203,74) e Fluminense (R$ 146,06). Porém, este valor é de acordo com o levantamento da Pluri.

Segundo o Coxa, dos R$ 111 milhões, aproximadamente R$ 70 milhões são de despesas mensais. Assim, a dívida real seria de R$ 40 milhões, transformando a relação divida-torcedor em R$ 36,36 - neste caso, a oitava maior. Já o Atlético, entre os 14 clubes que fazem parte do estudo, tem o menor endividamento por torcedor. Ao fechar 2011 com déficit de 4,9 milhões, cada atleticano “deve” cerca de R$ 4,10 pelo clube. 


Fonte: Paraná Online

23/05/2012

Inscrições abertas para Footecon em Curitiba

Foto: FutbolMarketing.com.br
O maior fórum esportivo das Américas, o FOOTECON, desembarca em Curitiba na próxima segunda-feira dia 28 de maio, para um dia inteiro de palestras e debates com grandes nomes do futebol brasileiro, entre eles o técnico Carlos Alberto Parreira, coordenador do evento, outros nomes de peso, como o especialista em marketing esportivo José Carlos Brunoro, o técnico da seleção brasileira sub-17 René Simões, o palestrante Evandro Mota, entre outros.Carlos Alberto Parreira, José Carlos Brunoro, Paulo César Caju e René Simões. 

Fórum Internacional de Futebol visa discutir temas que ditam os rumos e contribuem para a modernização do futebol no país. A capital paranaense será a primeira das 12 cidades-sede da Copa do Mundo a sediar a edição compactada do maior fórum de futebol das Américas. 

O FOOTECON Curitiba será realizado na obra do Pátio Batel, empreendimento do Grupo Soifer, tendo como pano de fundo a preparação do Brasil para a Copa do Mundo de 2014. Uma das características do fórum é a amplitude dos assuntos abordados. Serão discutidos temas como gestão de clubes, preparação e motivação de equipes, futebol num mundo globalizado, entre outros assuntos que estão na ordem do dia do esporte.

inscrições estão abertas até quinta-feira (24).

Podem ser feitas, exclusivamente, por meio do site www.footecon.com.br/curitibaOs valores são R$300,00 (inteira) e R$150,00 (desconto de 50% para estudantes).

A equipe de esportes da Rádio CBN Ponta Grossa, sabendo da importância do evento estará presente na edição de Curitiba. 

PROGRAMAÇÃO: 28 de maio

8h - Credenciamento

9h - Abertura Oficial

9h30 - Comitê Organizador local da Copa - Secretário Municipal da Copa Sr. Luiz de Carvalho.

10h - Perspectivas do futebol brasileiro com vistas à copa e ao futuro.
Palestrante: Dr. Fernando Carvalho (ex-presidente do Sport Club Internacional)

11h - A década esportiva para o Brasil
Palestrante: José Carlos Brunoro (Consultor em negócios no esporte e sócio da BSB) 

12h - Mentalidade Vencedora - Como motivar jogadores e equipes para as competições de alto nível e como mantê-la ao longo da temporada
Palestrante: Evandro Mota

13h - Almoço 

14h - Processo de formação do atleta brasileiro: a busca pelo perfil ideal -  O ciclo de formação integral do jogador desde a base até o profissional
Mesa: René Simões (técnico da seleção brasileira sub-17) / Marquinhos Santos (técnico da seleção brasileira sub-15) / Mario Andre Mazzuco (Gerente de Futebol do Coritiba FC) 

15h - O planejamento do condicionamento físico de equipes profissionais e um calendário intenso e os processos recuperativos dos atletas.
Mesa: Alexandre Lopes (Preparador físico da seleção brasileira sub-20) / Raul Osiecki (Professor Doutor do curso de Educação Física da UFPR) 

16h - Barcelona. O melhor time da atualidade. Qualidade e eficiência. 
Mesa: Carlos Alberto Parreira 

17h - A complexidade do futebol num mundo globalizado e como torná-lo exequível.
Mesa: Ricardinho (técnico do Paraná Clube) / Paulo Cezar Caju / Felipe Ximenes / René Simões 

SOBRE O PÁTIO BATEL - O Pátio Batel é o endereço que recebe o Footecon em Curitiba com o mesmo charme com que o Copacabana Palace recebeu a edição no Rio, mas com o diferencial da inovação curitibana. Empreendimento do Grupo Soifer, o Pátio Batel é uma proposta de local que reúne compras, entretenimento, cultura e lazer, e leva a assinatura arquitetônica da mesma empresa que assina a Arena Corinthians. O Pátio Batel na internet: www.patiobatel.com.br e www.facebook.com/patiobatel. 

SOBRE O FOOTECON - Curitiba será a primeira das 12 Cidades-Sede da Copa do Mundo de 2014 a receber a edição compacta do evento, que tem à frente o técnico tetracampeão mundial Carlos Alberto Parreira. Na agenda do evento, estão temas como gestão de clubes, preparação e motivação de equipes, futebol num mundo globalizado, entre outros assuntos que estão na ordem do dia do esporte – além, é claro, da própria Copa do Mundo no país. Além de Parreira, o FOOTECON Curitiba contará com outros grandes nomes do futebol brasileiro, como o especialista em Marketing e Gestão Esportiva José Carlos Brunoro e o ex-jogador e cronista esportivo Paulo Cézar Caju.

Saiba mais sobre o FOOTCON: Aqui

Fonte: DAS Estratégias de Comunicação

'Copa do Brasil' Ataque do Coritiba precisa acertar o pé contra o Vitória

Lucas Mendes acredita que o papel de cada jogador será fundamental para que a classificação 

Há três jogos sem marcar, o Coritiba sabe que hoje precisa balançar a rede se quiser garantir a vaga na semifinal na Copa do Brasil sem uma nova disputa de pênaltis. O torcedor coxa-branca ainda não se esqueceu da aflição da decisão do Paranaense no Atletiba e, para não sofrer mais uma vez, necessita que os atacantes acertem o pé a partir das 22 horas, contra o Vitória, no Couto Pereira.
Os homens de frente estão devendo. Os artilheiros do time no ano ainda são o zagueiro Emerson e o meia Lincoln, com oito gols cada. O também meia Éverton Ribeiro tem sete e Anderson Aquino, o atacante que mais marcou nesta temporada, fez seis, assim como o meia Renan Oliveira.
Sem Rafinha e Tcheco, contundidos, o técnico Mar­­celo Oliveira não confirmou a equipe, mas adiantou que treinou muitas finalizações na última semana.
Entre os jogadores, o discurso é não deixar a pressão de marcar recair somente sobre os atacantes. “A responsabilidade é de todos. Não é só o Roberto, o [Anderson] Aquino e o Everton Costa ali na frente que fazem gols”, afirma o lateral-esquerdo Lucas Mendes. O zagueiro de origem tem mais de 100 jogos com a camisa coxa-branca, mas nunca balançou a rede como profissional. “Tomara que saia o gol amanhã [hoje]”, completa.
Em uma partida na qual marcar é crucial, não sofrer também é fundamental. Re­­sultado do regulamento da Copa do Brasil, que garante a classificação para o time baiano caso ocorra qualquer empate com gols. “O Vitória vem para cá precisando de um gol para passar. Se nós fizermos um gol, eles continuam precisando de um. Tem de ter todos os cuidados, de atacar sempre, mas cuidando do contra-ataque”, explica o treinador alviverde.
“Eu tenho como conceito que se você tiver quatro jogadores bem postados atrás, você não leva o contra-ataque. Então, pode trabalhar ofensivamente com seis atletas”, afirma.
Porém, Oliveira fez questão de lembrar que o 0 a 0 na decisão do Estadual, por exemplo, não foi negativo. “Não podemos lamentar um empate que nos concedeu um campeonato”, argumenta.
O pró­­prio presidente do clube, Vilson Ri­­­­beiro de An­­drade, tenta mi­­nimizar a co­­bran­ça. Ele alega que o time só não marcou um gol contra o Internacional, no domingo, porque o de E­­ver­­­­­­­ton Costa foi anulado pela arbitragem. “Estou satisfeito [com o ataque]. Não entro nessa neura”, garante.

Fonte: Gazeta do Povo
Foto: Coritiba.com.br 

22/05/2012

Âgelo Defino lança livro em homenagem ao centenário do Operário


“Imortal Operário Ferroviário – as histórias do Fantasma de Vila Oficinas”, de autoria do médico pediatra Ângelo Luiz De Col Defino, o livro será lançado nesta quinta-feira (24), dando sequencias as comemorações do Centenário do Operário Ferroviário.
Com uma linguagem acessível, o livro fala do surgimento e da trajetória do clube ao logo do Centenário. Das conquistas, ressurgimento, fatos históricos, embasado numa longa pesquisa realizada em jornais antigos e documentos do clube, o livro busca desmitificar vários mitos envolto a história do Fantasma.
Segundo Defino, a edição do livro foi viabilizada através da aprovação de um projeto pela Lei Rouanet, de incentivo à cultura, organizado pela empresa ABC Projetos.
O livro será vendido a R$ 50,00, na Mostra Histórica Cultural - 100 anos de Paixão, do Operário Ferroviário, no Shopping Palladium. Toda renda  arrecada com a venda dos livros será revertida ao Operário Ferroviário. 

21/05/2012

Ouça os gols do Inter sobre o Coritiba pela Rádio CBN Ponta Grossa



Rádio CBN Ponta Grossa - AM 1300

Narração: Joel Brasilia 
Comentários: Gerson Sênior
Repagens: Felipe Gustavo e Sebastião Neto
Plantão esportivo: Isak Ortiz
Sonoplastia: Marcos Andrade
Produção: Ana de Oliveira
Direção de esportes: Joel Brasilia


Damião:

INTER 1 X COXA 0 by CBNEsportes


Dagoberto
INTER 2 X 0 COXA by CBNEsportes

20/05/2012

Brasileirão: Coxa perde em Porto Alegre


Coxa não consegue bom resultado na estreia do Brasileiro e volta as atenções à Copa do Brasil


Foto: coritba.com.br
O Coritiba não começou bem o Brasileiro 2012, e perdeu por 2×0 para o Internacional na estreia da competição, em Porto Alegre, hoje, às 16h. Dividindo as atenções entre duas competições, o Coxa agora volta o foco para a Copa do Brasil, já que na próxima quarta-feira tem uma decisão diante do Vitória-BA.

Confira a ficha técnica da partida.

Com alguns atletas poupados devido ao desgaste de jogos, o Coritiba entrou em campo com Vanderlei, Gil, Demerson, Emerson, Lucas Mendes, Junior Urso, Willian, Renan Oliveira, Lincoln, Everton Costa e Anderson Aquino.

Jogando em casa, e apenas com as atenções voltadas ao Campeonato Brasileiro o Inter partiu pra cima e o Coritiba se defendia. Aos 9′, em jogada individual de Leandro Damião, ele passou pela zaga coxa-branca e abriu o placar, no Beira Rio. 1×0 para o Inter.

O Coxa chega a equilibrar a partida, marca forte e busca sair em contra-ataques. Aos 14′, Junior Urso encontra Renan Oliveira, que na entrada da área manda por cima do gol de Muriel, em uma das boas oportunidades do time alviverde na primeira etapa. Aos 28 minutos, foi a vez de Junior Urso ter uma chance. Ele arriscou de fora da área com um chute forte, mas o goleiro Muriel defendeu.

Mas aos 37′, o Coxa sofre novo castigo. Dagoberto passa pela marcação alviverde, tabela com Damião e aparece livre dentro da área para bater no canto de Vanderlei e ampliar a vantagem dos colorados. Logo em seguida o Coxa volta a responder, quando Anderson Aquino bate de fora da área, Everton Costa domina e manda para as redes, mas a arbitragem assinala impedimento do atacante coxa-branca.

Coxa melhora na segunda etapa, mas resultado se mantém igual ao do primeiro tempo

Para a segunda etapa, Willian e Anderson Aquino deixam a equipe para a entrada de Sérgio Manoel e Everton Ribeiro. Logo aos 3′, após boa trama do ataque coxa-branca, Everton Ribeiro emendou uma bomba, por cima do gol de Muriel.

Disposto a atacar, o Coxa deixa o jogo equilibrado e cria boas chances. Aos 18′ é a vez de Lincoln passar pela marcação adversária e bater forte, para nova defesa do goleiro colorado. Mas o Inter, empurrado pela sua torcida, também responde. Guiñazu bate de longe e a bola passa perto do gol de Vanderlei.

Aos 22′, Renan Oliveira deixa a equipe alviverde para a entrada do atacante Marcel. Aos 32′, é de Elton uma boa oportunidade desperdiçada pelo Inter. Ele recebe de frente para o gol, mas Vanderlei sai bem e deixa o atleta colorado sem ângulo. Assim ele bate para fora. Aos 39′, Leandro Damião emenda uma bomba na trave. Aos 45′, o Coxa tem uma boa chance em cobrança de falta, mas o chute de Gil pára na barreira.

Agora, as atenções do Coritiba se voltam a Copa do Brasil. Na próxima quarta-feira, o Coxa recebe o Vitória no Alto da Glória, no jogo da volta das quartas-de-final da competição. O Verdão precisa de uma vitória para garantir uma vaga na Semifinal. Um empate sem gols leva a decisão para os pênaltis. No Campeonato Brasileiro, o Coxa terá agora dois jogos em casa, o próximo diante do Botafogo e depois contra a Portuguesa.

Fonte: Coritiba.com.br

Brasileirão: Coxa estréia contra o Inter ao vivo na CBN PG

Foto: Coritiba.com.br

O Coritiba foi tricampeão paranaense e está entre os oito melhores times da Copa do Brasil. Mas o grande teste para medir o poder de fogo do atual elenco alviverde será apenas hoje, no quinto mês do ano. A partida contra o Internacional, às 16 horas, no Beira-Rio, dirá até que ponto o grupo precisa – ou se precisa – ser reforçado para atingir o objetivo que falhou no ano passado: a vaga na Libertadores.
Além do poderio colorado, o Coxa terá de encarar a pressão interna de quem não costuma se dar muito bem em partidas na capital gaúcha. Contra o Inter foram apenas dois triunfos em partidas oficiais de acordo com o grupo de pesquisa Helênicos, o último há quase dez anos – 1 a 0 no Brasileiro de 2002 (2/11).
Importância que fez o técnico Marcelo Oliveira não revelar quais jogadores entram em campo nesta tarde. “Nem pensei nisso [tabu e duelo contra um dos candidatos ao título]. Eu acho que Série A, Série B... O futebol está muito equilibrado”, argumenta. “O Internacional tem um elenco forte, de nível técnico muito bom, que tem uma estrutura sensacional. Mas não há o que temer, assim como não pode ter desatenção”, completa o treinador.
Porém, os próprios jogadores do Coxa, como o volante Júnior Urso, assumem que a partida servirá de parâmetro para medir a qualidade do único representante do estado na Primeira Divisão. “Temos de procurar enfrentar eles com força máxima para fazer um teste. Assim nós também saberemos como vai ser o nosso ano”, diz o meia. “Precisamos começar bem, fazendo os pontos, para no final não fazer falta”, emenda o lateral-direito Ayrton.
O discurso do grupo se divide em enaltecer a força do atual bicampeão gaúcho, mesmo com a recente desclassificação nas oitavas de final da Libertadores. Poder que, de certo modo, serve de motivação para a meta alviverde de melhorar a oitava colocação conquistada em 2011 e, quem sabe, garantir um assento no principal torneio de clubes do continente.
“Joguei lá no ano passado [pelo Avaí]. É uma equipe tão forte quanto a nossa. Não pode dar bobeira”, ensina Urso. “Muita gente questiona se a nossa equipe está um pouco inferior à do ano passado. Mas nossa meta não é só participar. Queremos chegar, passo a passo”, completa. “É uma competição de alto nível. Não que a Copa do Brasil não seja, mas agora é só pedreira mesmo, nenhum jogo é fácil”, encerra o volante.
Confira os convocados para enfrentar o Inter. 
Transmissão 
Todas as emoções deste jogo você acompanha na CBN Ponta Grossa, a partir das 14h com toda Equipe Show de Bola. Sintonize AM 1300 ou www.cbnpg.com.br  
Fonte: Gazeta do Povo